Válvula de Descarga x Caixa Acoplada – Consumo de Água

Já falei tanto de vaso sanitário que vocês não devem estar mais aguentando, né? Mas este é o último, tá?

Resolvi fazer este post para falar especificadamente sobre o consumo de água em vasos sanitários para complementar este post aqui. O post ficou meio comprido… quem achar chato pula para o dois últimos parágrafos. :)

Eu sempre achei que as caixas acopladas eram mais econômicas e, procurando na internet, encontrei esta afirmação em vários lugares. A maioria deles dizia que as caixas acopladas eram mais econômicas e que as válvulas de descarga podiam consumir até 12 ou 18 litros de água. Alguns lugares diziam que o consumo com válvulas de descarga chegavam em até 30 litros!! Mas pesquisando mais a fundo eu entendi melhor. Vejam só:

Com a finalidade de reduzir o consumo d’água nas instalações sanitárias, o Ministério do Interior, através do Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade no Habitat (PBQP-H), estabeleceu em norma novos limites máximos de utilização de água para a limpeza de bacias sanitárias, a serem adotados, gradativamente, até o ano de 2002. Segundo essa determinação governamental, até o ano de 1999, as bacias sanitárias utilizadas no Brasil poderiam consumir até 12 litros de água de descarga por ciclo. A partir do ano de 2000, o limite máximo de utilização d’água por bacias sanitárias passou a ser de 9 litros por descarga. Em 2002, esse limite passou para 6 litros.

A norma NBR 15097/2004* diz: “A inscrição de consumo de água na bacia sanitária deve ser feita com o volume nominal de “6 LPF” (litros por fluxo), de forma legível, permanente e próxima à logomarca”.

* A norma mais atual é a NBR 15097/2011, mas não consegui ter acesso a ela.

Dei uma espiada no último apê que eu morava (me mudei para lá em 2003 e instalamos na época uma nova bacia sanitária e nova válvula de descarga) e consta a inscrição de 6 LPF na bacia sanitária.

Então fiquei pensando: “A bacia com válvula de descarga também consome 6 LPF?”.

Entrei em contato com três fabriacantes para poder entender melhor e o único que me respondeu até agora foi a Deca (obrigada!). Se alguma outra empresa responder, e contribuir com o assunto, eu atualizo aqui.

Me informaram que “o responsável pelo consumo de água é das bacias e não das válvulas.” Aí entra os 6 LPF que fala a norma.

Portanto, independente do sistema de descarga, válvula de descarga ou caixa acoplada, as bacias (novas, desde 2002) consumem em torno de 6 litros por acionamento.

Caso você tenha uma bacia instalada antes de 2002 e queira substituir por um modelo mais econômico, para o sistema de caixa acoplada é necessário trocar a bacia com a caixa. Já para o sistema de válvula de descarga é necessário trocar apenas a bacia e fazer a regulagem da válvula de descarga.

About these ads

3 comentários sobre “Válvula de Descarga x Caixa Acoplada – Consumo de Água

  1. Pingback: Válvula de Descarga x Caixa Acoplada | tijolosetecidos

  2. Olá! A obra da minha casa ainda não começou, mas eu pretendo colocar caixa acoplada. Segundo minha pesquisa o consumo de água é igual nos dois tipos, pois o consumo depende do vaso. Mas eu acho (minha opinião leiga, ok?) que sempre existe a possibilidade da válvula ficar desregulada com o tempo de uso e também a possibilidade de uso incorreto (ficar apertando a válvula por um tempo muito grande ou várias vezes). Por questões de estética, talvez eu opte por válvula no lavabo.

Obrigada por comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s